Saiba quais são os maiores campeonatos de tênis do mundo

Quem assiste às partidas de tênis pela televisão ocasionalmente, ou quem pratica o esporte de forma amadora na grama sintética, nem sempre conhece todos os campeonatos que existem ao redor do planeta. São torneios milionários que, para um tenista alcançar esse estágio de poder disputá-lo, leva um bom tempo em treino e investimento, desde a infância.

Campeonatos de tênis

Ainda assim, é preciso seguir a ordem e os níveis dos diferentes torneios: disputar campeonatos, acumular pontos no ranking da ATP (Associação de Tenistas Profissionais) e tornar-se um profissional. Alguns torneios são disputados em grama, outros em piso duro ou em saibro. Esses campeonatos formam a trajetória que um tenista tem de realizar para chegar ao topo e disputar entre os melhores do mundo.


A seguir, iremos mostrar todos os torneios que um tenista precisa disputar para chegar aos mais concorridos do Grand Slams.

Torneios da Série Futures

Os Torneios da Série Futures são os primeiros que um tenista disputa para ingressar no meio profissional. O tenista tem que ganhar, ao menos, um jogo para começar a acumular seus pontos. No futuro, ele pode ser aceito em outros torneios de maior importância.

Challengers

Os Torneios da Série Challengers fazem parte do segundo passo a ser tomado por um tenista que busca uma carreira profissional no esporte. O Challengers é o primeiro nível de torneios organizado pela ATP (Associação de Tenistas Profissionais). Para que um jogador participe desse torneio, ele deve estar inserido em um ranking mínimo: geralmente os participantes estão posicionados entre 150º a 250º no ranking da ATP.

ATP World Tour

O ATP World Tour é o torneio que vai definir se um tenista vai ou não ingressar na carreira profissional. Esse torneio acontece ao redor de todo o mundo e os tenistas jogam nos mais diferentes tipos de piso: grama, saibro ou quadra rápida. Neste torneio, os jogadores são “divididos” em três níveis, de acordo com o seu ranking na ATP.

ATP 250

Os torneios ATP 250 são torneios cuja premiação paga valores maiores aos atletas. O tenista vencedor ganha 250 pontos no ranking da ATP, além de uma premiação em dinheiro que pode variar entre US$500 Mil e US$1 milhão. O Brasil Open, realizado em São Paulo, é um exemplo de torneio ATP 250.

ATP 500

Para os torneios ATP 500, a disputa entre os tenistas é bem maior, e grandes nomes já participam. A premiação pode chegar a US$ 2 milhões, além de 500 pontos no ranking da ATP. No Brasil, o Rio Open está dentro dessa série de torneios e é o principal torneio realizado no Brasil.

Torneios ATP Masters 1000

Os Torneios ATP Masters 1000 são disputados pelos maiores tenistas do mundo e acontecem em nove locais no ano. São eles: Indian Wells (março); Miami (março); Monte-Carlo (abril); Madrid (maio); Roma (maio); Toronto (agosto); Cincinnati (agosto); Shangai (outubro) e Paris (outubro).

Grand Slams

O tenista atinge o auge na carreira quando participa de um Grand Slams. Os maiores tenistas do mundo já conquistaram ao menos um Grand Slam.

Os 4 torneios Grand Slams são:

– Australian Open (Melbourne, Austrália), realizado em janeiro;
– Roland Garros (Paris, França), realizado entre maio e junho;
– Wimbledon (Londres, Inglaterra), realizado em julho;
– US Open (Nova Iorque, Estados Unidos), realizado entre agosto e setembro.

Os campeões dos Grand Slams recebem 2 mil pontos no ranking da ATP e as premiações giram em torno de US$ 20 milhões por torneio.

ATP World Tour Finals

Ao ATP World Tour Finals não é dada tamanha importância como recebem os 4 Grand Slams. Mas para que um tenista possa jogá-lo, geralmente, deve-se estar entre os 8 melhores do mundo no ranking da ATP. Esse torneio acontece apenas 1 vez ao ano em Milão, na Itália.

Nitto ATP Finals

O Nitto ATP Finals acontece logo após o encerramento do ATP World Tour Finals em novembro e conta com a participação dos melhores tenistas do ano.

Grama sintética para tênis Sportlink

A Sportlink é especializada na fabricação de grama sintética para projetos de quadras de tênis. Ter uma quadra de tênis com grama sintética é muito vantajoso e pode trazer grandes benefícios em relação à economia de recursos, durabilidade e desempenho.

O custo é consideravelmente inferior aos pisos de saibro ou mesmo a grama natural, já que não demanda manutenção constante.

Saiba quais são os maiores campeonatos de tênis do mundo
Avalie essa postagem
Saiba quais são os maiores campeonatos de tênis do mundo